pearOS

Depois de seis meses de desenvolvimento anuncia-se a nova versão do Pear OS, a distribuição da pêra que tenta disponibilizar o sistema da maçã como nem sequer o elementary se atreveu a fazer. O Pear OS 8, em todo caso, vem com várias novidades que não são as que se espera, isso seguro (a imagem sobre estas linhas pode você dar uma ideia).

Para começar, não espere ler a típica lista de componentes básicos que do sistema, porque me foi impossível localizar essa informação. Já que Pear OS 7 baseava-se em Ubuntu 12.10, então supomos que o Pear OS 8 deve ser baseado em Ubuntu 13.04 ou Ubuntu 13.10. Os requisitos mínimos recomendados podem ser consultados aqui.

As novidades deste lançamento seguem outras frentes: chegam o Pear Cloud e o Pear ID, ou a nuvem do Pear OS e a conta para essa nuvem, respectivamente, com 2 GB de espaço gratuito para armazenar e sincronizar arquivos e um plano de preços para ampliar o armazenamento. Parece, ainda que não se indique em nenhum lugar, que a nuvem do Pear OS é baseada no ownCloud.

Pear OS 8 Tablet Edition é a outra novidade que acompanha este lançamento. Como seu nome aponta, se trata de uma versão do Pear Os destinada para funcionar em tablets ou dispositivos de interface táctil, tanto para arquitecturas ARM como x86, com dispositivos como o Surface da Microsoft ou Galaxy da Samsung, Nexus do Google, etc.

No entanto, Pear OS 8 Tablet Edition só se fará realidade se o projeto conseguir financiar através do Indiegogo. A campanha teve início dia 21 de outubro e se concluirá no próximo dia 20 de dezembro. Dos 10.500 euros que esperam arrecadar, têm conseguido 50.

Se interessa vocês experimentar o Pear OS 8, na página de download tem imagens para 32 e 64 bits.

Com informações de Pear OS e Muylinux.